Warning: session_start(): Cannot send session cookie - headers already sent by (output started at /home/discove1/public_html/news/header.php:4) in /home/discove1/public_html/news/header.php on line 9

Warning: session_start(): Cannot send session cache limiter - headers already sent (output started at /home/discove1/public_html/news/header.php:4) in /home/discove1/public_html/news/header.php on line 9
discoverazores.org

Festival Cordas conta histórias da ilha do Pico

2016-09-04

Instrumentos de corda contam histórias, tal como outra arte qualquer. A ilha do Pico sempre teve instrumentos a fazerem parte do quotidiano da sociedade. Desde a tradicional viola de dois corações, ao bandolim e violino dos professores de outros dias, aos jovens que hoje continuam estas tradições através de folclore e seus ranchos. 

Cordas, o festival de músicas do mundo, a acontecer de 11 a 18 de setembro, na vila da Madalena, destaca alguns músicos e histórias da ilha montanha, assim como também abraça histórias de outros lugares.

O diretor artístico da MiratecArts, organização a cargo do projeto, em parceria com a Câmara Municipal da Madalena, dedica o seu trabalho ao falecido músico e compositor Francisco de Matos. "Foi o meu primeiro professor de música e uma grande inspiração para a minha vida nas artes," diz Terry Costa. "Centenas de pessoas desta ilha, e muitos que emigraram, aprenderam música e tocaram os seus primeiros instrumentos de corda, por causa deste homem."

Tantos nomes fazem parte da história musical da ilha do Pico. Um dos objectivos do festival é começar a escrever estas histórias através dos descendentes e dos estudantes destas grandes pessoas que vieram antes de nós.

Laurindo Cardoso criou a Casa da Música da Candelária para ter um espaço em que qualquer pessoa se possa juntar para tocar instrumentos, para aprender, para partilhar, para ensinar. O músico, também, já criou os seus próprios instrumentos e no Cordas vai apresentar uma guitarra-viola-bandola original que construiu. O Grupo de Cordas Ilha Negra, liderado por Laurindo Cardoso, também vai ter muitas histórias a contar quando se apresentar no Palco da Praça da Madalena.

André Azevedo é o mais jovem a apresentar-se nesta primeira edição do festival. Com apenas 9 anos de idade, o seu repertório já é extenso. O público já o conhece de várias festas da ilha do Pico, mas aqui o jovem apresenta o seu trabalho no repertório clássico.

Wilson Medina voltou ao Pico apenas há dois anos, depois de uma carreira como enfermeiro na Bélgica. "Tocar bandolim para os doentes e ver as suas reações, os sorrisos que lhes trazia, esses foram os melhores momentos do meu trabalho," conta o músico que recebeu um bandolim como presente da sua esposa. Este bandolim agora apresenta-se em vários projetos que o leva a bares pela ilha e festivais de outras ilhas, Continente e até a Bruxelas, onde gravou com Ynot Silveira e que agora apresentam-se, regularmente, como o duo Half Step Down.

Festival Cordas vai contar muitas histórias da ilha do Pico e além horizonte. A MiratecArts convida todos a juntarem-se e contarem as suas histórias. O programa é composto por músicos que expressaram o seu interesse de participação à associação.
Para o evento de abertura, domingo 11 de setembro, 16h30, na Praça da Madalena, a associação convida todos os que têm violas da terra para as trazer até à Praça e participarem - juntos conseguimos mais.
www.festivalcordas.com

Foto: Elisabete de Sousa. Vagner Paulos, Grupo de Cordas Ilha Negra. 


DEIXE A SUA OPINIÃO
LEAVE YOUR OPINION

OUTRAS NOTÍCIAS
OTHER NEWS

Galeria Costa no Azores TOP 10

2017-10-11 00:12:58

Galeria Costa nomeada para o Azores Top 10

 ...

LER +

Açores no Canadá

2017-10-01 23:37:41

MiratecArts apresenta fotógrafos açorianos ao Ca...

LER +